Arquivo diário: 29/09/2016

DGS reconhece qualidade dos Serviços de Cirurgia Cardiotorácica e de Ambulatório do CHVNG/E

O Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E) divulga que, após um processo de cerca de um ano e meio, a qualidade dos seus Serviços de Cirurgia Cardiotorácica e de Cirurgia de Ambulatório foi reconhecida pela Direção-Geral da Saúde (DGS), estando estes acreditados com o nível “Bom”.

De acordo com o Conselho de Administração do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho, “o bom tem um grau de exigência tão grande que para nós é muito bom este reconhecimento”.

Já estão a ser preparados pedidos de acreditação dos serviços de Pediatria/Neonatologia, Ginecologia/Obstetrícia e Cirurgia Pediátrica, acrescenta o centro hospitalar.

A finalidade é conseguir a acreditação de qualidade de todos os serviços do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho, que vê neste processo um “reconhecimento de que é cumprido um conjunto de standards que permite garantir um nível de cuidados de excelência clínica”.

A acreditação é um processo de observação, avaliação e certificação, através do qual se reconhece publicamente que uma instituição ou unidade de saúde reúne as condições necessárias e presta serviços e cuidados de saúde de qualidade, baseados na evidência científica e no respeito por padrões de qualidade definidos por entidades de referência e reconhecidos pelo Ministério da Saúde, acrescenta ainda o Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho.

A saber

O Departamento da Qualidade na Saúde, criado no âmbito da Direção-Geral da Saúde, assume o papel central de coordenador da Estratégia Nacional para a Qualidade na Saúde. Uma das suas principais incumbências consiste em implementar um Programa Nacional de Acreditação em Saúde, baseado num modelo sustentável e adaptado às características do sistema de saúde português.

O modelo de acreditação do Ministério da Saúde visa reconhecer a qualidade das organizações prestadoras de cuidados de saúde e promover o seu empenho voluntário na melhoria contínua, consolidando a cultura de qualidade e segurança que se deve generalizar a todo o Serviço Nacional de Saúde.  Com o reconhecimento da qualidade das estruturas organizativas e da prática clínica, a confiança dos cidadãos e dos profissionais nas respetivas instituições é fortalecida.

Para saber mais, consulte:

DGS > Departamento da Qualidade na Saúde

Visite:

Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho – http://www.chvng.pt/

Circular Informativa ACSS: Cooperação entre o Ministério da Saúde e a Secretaria Regional da Saúde do Governo Regional dos Açores – Protocolo de cooperação que estabelece a reciprocidade na dispensa de medicamentos

Circular dirigida às Administrações Regionais de saúde, Estabelecimentos do SNS e Farmácias.

Circular Informativa n.º 30/2016/ACSS
Cooperação entre o Ministério da Saúde e a Secretaria Regional da Saúde do Governo Regional dos Açores – Protocolo de cooperação que estabelece a reciprocidade na dispensa de medicamentos

Contrato coletivo entre a FNS – Federação Nacional dos Prestadores de Cuidados de Saúde e a Federação dos Sindicatos da Indústria e Serviços – FETESE – Integração em níveis de qualificação – BTE

Foi publicado hoje, 29/09/2016, no Boletim do Trabalho e Emprego n.º 36/2016, o Contrato coletivo entre a FNS – Federação Nacional dos Prestadores de Cuidados de Saúde e a Federação dos Sindicatos da Indústria e Serviços – FETESE – Integração em níveis de qualificação.

Veja o BTE Nº 36/2016 de 29 de Setembro, página 85 do ficheiro pdf ou 3059 da paginação.

Acordo de empresa entre a Lusíadas – Parcerias Cascais, SA e o Sindicato Independente dos Médicos – SIM e outro – BTE

Foi publicado hoje, 29/09/2016, no Boletim do Trabalho e Emprego n.º 36/2016, o Acordo de empresa entre a Lusíadas – Parcerias Cascais, SA e o Sindicato Independente dos Médicos – SIM e outro.

Veja o BTE Nº 36/2016 de 29 de Setembro, página 56 do ficheiro pdf ou 3030 da paginação.

Acordo de empresa entre a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Real de Santo António e o SNBP – Sindicato Nacional dos Bombeiros Profissionais – Integração em níveis de qualificação – BTE

Foi publicado hoje, 29/09/2016, no Boletim do Trabalho e Emprego n.º 36/2016, o Acordo de empresa entre a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de  de Vila Real de Santo António e o SNBP – Sindicato Nacional dos Bombeiros Profissionais – Integração em níveis de qualificação.

Veja o BTE Nº 36/2016 de 29 de Setembro, página 85 do ficheiro pdf ou 3059 da paginação.

Doenças cardiovasculares mantêm-se como principal causa de morte em Portugal – Dia do Coração

Doenças cardiovasculares mantêm-se como principal causa de morte em Portugal.

A propósito do Dia Mundial do Coração, que se celebra esta quinta-feira, 29 de setembro, a Direção-Geral da Saúde (DGS) divulga que, apesar de se manterem como principal causa de morte na população portuguesa, as doenças do aparelho circulatório evidenciam uma redução progressiva do seu peso relativo.

De acordo com os dados divulgados pelo Programa Nacional para as Doenças Cérebro-Cardiovasculares, pela primeira vez, em Portugal, o peso relativo das doenças do aparelho circulatório na mortalidade total situou-se abaixo dos 30%. De uma forma global, assistiu-se a uma melhoria de todos os indicadores sobre doenças cérebro-cardiovasculares, como resultado de uma ação combinada das medidas preventivas adotadas e da organização dos serviços de saúde.

Contudo, na data em que se assinala o Dia do Coração, “nunca é demais recordar que as doenças cardiovasculares mantêm-se como a principal causa de morte em Portugal, justificando-se que se mantenham no topo das prioridades no que se refere ao planeamento em saúde”.  Em termos de comparação com outros países europeus, verifica-se que a mortalidade por doença isquémica cardíaca situa-se abaixo da média europeia, ocupando a mortalidade por doença cerebrovascular posição inversa. Defende-se, por isso, um novo impulso no tratamento do acidente vascular cerebral, refere ainda a DGS.

A redução da mortalidade prematura, aquela que se verifica antes dos 70 anos de idade, com consequente redução dos anos de vida potencialmente perdidos, constitui um dos objetivos estratégicos do Programa Nacional para as Doenças Cérebro-Cardiovasculares, da Direção-Geral da Saúde, que pretende promover o tratamento da hipertensão arterial e reforçar sinergias com outros programas dedicados à adoção de estilos de vida e alimentação saudáveis ou que estão vocacionados para o combate de fatores de risco modificáveis, como o tabagismo e a diabetes.

Eu Amo Viver

Para celebrar o Dia do Coração, assinalado no calendário a 29 de setembro, a Sociedade Portuguesa de Cardiologia vai lançar o site Eu Amo Viver e uma página de facebook com informação útil sobre as doenças cardiovasculares.

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Cardiologia, as doenças cardiovasculares são a maior causa de morte em Portugal e no Mundo, sendo que 80% dessas mortes poderiam ser evitadas com o controle da obesidade, tabagismo, hipertensão arterial e sedentarismo.

Para saber mais, consulte:

Concursos de TDT de Cardiopneumologia do CHVNGE: Lista de Candidatos Admitidos e Excluídos – Serviço de Pneumologia

Foi publicada a Lista de Candidatos Admitidos e Excluídos – Serviço de Pneumologia, na sequência de um dos dos 2 Concursos para Técnicos de Diagnóstico e Terapêutica de Cardiopneumologia, no Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia / Espinho.

Veja a Lista de Candidatos Admitidos e Excluídos – Serviço de Pneumologia

Todas as questões deverão ser colocadas ao Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia / Espinho.

Veja todas as publicações destes concursos em: