Arquivo diário: 31/01/2015

Urgente: Aberto Concurso de Enfermeiros para o CH Porto

Esta informação está disponível no site do CH Porto.

Veja: Concurso de Enfermeiros do CH Porto: Lista de Admitidos, Não Aprovados e Excluídos

Este concurso terminou na terça-feira, 03/02/2015, às 15:00.

Veja o post no nosso Facebook.

Muito Obrigado a todos os que ajudaram.

Veja o documento com o Aviso e os dois anexos.

«AVISO

Admissão Urgente

O Centro Hospitalar do Porto (CHP), ao abrigo do Despacho nº 342 – C/2015, de 13 de Janeiro e publicado no Diário da República, 2ª Série, Nº 8, pretende contratar Enfermeiros em contrato a termo resolutivo.

São requisitos de admissão ter experiência profissional.

A candidatura deverá ser elaborada mediante requerimento de candidatura, conforme anexo 1, e acompanhada de:

– Súmula curricular com os respetivos comprovativos e, a declaração do tempo de experiência profissional emitida pela(s) Instituições onde ocorreu o desempenho;

– Fotocópia comprovativa da licenciatura e da inscrição, atualizada, na Ordem dos Enfermeiros;

– Declaração sob compromisso de honra conforme anexo 2.

A não apresentação dos comprovativos inviabiliza a classificação.

As candidaturas espontâneas e por e-mail não são consideradas.

As candidaturas deverão ser entregues no Serviço de Gestão dos Recursos Humanos, Edifício Neoclássico do Hospital de Santo António, Largo Professor Abel Salazar, 4099-001 Porto, até as 15 horas do dia 3 de Fevereiro de 2015. »

Veja o documento com o Aviso e os dois anexos.

Esta informação – e os anexos – está disponível no site do CH Porto.

Todas as questões devem ser dirigidas ao CH Porto.

Logo Min Saúde

Internato Médico: Vagas para Especialidade em Todo o País

Médicos: Procedimento Concursal Nacional nas Várias Áreas de Especialidade (Grau de Consultor)

« Foi ontem publicado o Aviso n.º 1146-B/2015, de 30 de janeiro, determinando a abertura de concurso nacional de habilitação ao grau de consultor nas várias áreas de especialidade da carreira médica, a que poderão concorrer clínicos que detenham cinco anos de exercício efetivo de funções, contados após a obtenção do grau de especialista, número que se estima na ordem dos 1.300 candidatos. Este é um processo cuja preparação teve início no 3.º trimestre de 2014.

O prazo para a apresentação de candidaturas é de 15 dias úteis, as quais deverão ser apresentadas nas Administrações Regionais de Saúde e nos Serviços Regionais de Saúde das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores.

A legislação de enquadramento das carreiras médica prevê a existência de dois graus de qualificação, o de especialista e o de consultor. O grau de consultor é atribuído pelo Ministério da Saúde, devidamente reconhecido pela Ordem dos Médicos, mediante a realização de um procedimento concursal. Com a abertura deste concurso, o Ministério da Saúde pretende criar condições de desenvolvimento da carreira médica no Serviço Nacional de Saúde, tal como disposto no acordo celebrado entre o Governo e os Sindicatos Médicos, em outubro de 2012.

Note-se que, além do procedimento concursal agora aberto, o Ministério da Saúde havia já concluído os concursos para grau de consultor de 2002 e 2005, os quais se encontravam pendentes, num total de 2.816 médicos. Adicionalmente encontra-se a decorrer o concurso aberto em 2012 com um total 3.233 candidatos admitidos e 196 júris em 44 especialidades médicas.

Também no sentido de permitir o desenvolvimento da carreira médica, está em curso o processo de autorização para a abertura de 140 vagas na categoria de assistente graduado sénior. Recorde-se que, já em 2013, tinha sido obtida idêntica autorização para o preenchimento de 130 postos de trabalho nesta categoria, distribuídos da seguinte forma:

ARS_ Nº de Vagas abertas
Alentejo 9
Algarve 7
Centro 28
LVT 42
Norte 44
Total Geral 130

 

Os médicos recrutados para a categoria de assistente graduado sénior têm direito ao reposicionamento remuneratório correspondente.

Sublinha-se que, no âmbito dos procedimentos de recrutamento para a categoria de assistente graduado sénior, será possível aos médicos selecionados manterem o regime de trabalho que detinham anteriormente, nomeadamente o regime de dedicação exclusiva, equivalente a 42 horas. »