Médicos: Postos de trabalho passíveis de ser escolhidos nas especialidades de Cardiologia, Cirurgia Cardíaca, Cirurgia Cardiotorácica, Cirurgia Geral, Cirurgia Plástica e Reconstrutiva, Gastrenterologia, Ginecologia/Obstetrícia, Hematologia, Pediatria, Psiquiatria e Psiquiatria da Infância e da Adolescência

Continue reading

Telemedicina em Hematologia: CHCB e CHUC Iniciam Colaboração

CHCB  e CHUC iniciam colaboração, com sessão de telemedicina, a 23

O Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB) divulga que decorre, no dia 23 de fevereiro de 2017, pelas 11 horas, no Hospital Pêro da Covilhã, uma sessão de Tele Saúde (Telemedicina) em tempo real e ao vivo, no âmbito da consulta de Hematologia daquele centro hospitalar, para assinalar o inicio de um protocolo de colaboração institucional nesta área, entre o CHCB  e o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC).

Com recurso à utilização de um computador ligado à internet e de uma webcam, uma consulta de tele Saúde permite a observação, diagnóstico, tratamento e monitorização do utente, no hospital ou centro de saúde da sua área de residência, evitando assim muitos dos custos e riscos associados à sua deslocação a outras unidades de saúde.

Para além disso, este conceito de medicina em rede permite que os profissionais de saúde partilhem e discutam opiniões, conhecimentos e opções terapêuticas, aumentando assim a acessibilidade dos utentes a consultas diferenciadas em termos de especialidade, bem como a segurança, o conforto e a qualidade dos cuidados de saúde prestados.

“Há já vários anos que o Centro Hospitalar Cova da Beira é consumidor e fornecedor de consultas de telemedicina nas mais variadas áreas. Aliás, o CHCB é considerado hospital pioneiro na história da telemedicina em Portugal e na implementação do seu ensino, conjuntamente com a Faculdade de Ciências da Saúde – UBI, e a prová-lo está, a transmissão da primeira ecocardiografia fetal tridimensional que foi feita no Cova da Beira em 2004”, refere o Centro Hospitalar Cova da Beira.

Visite:

Centro Hospitalar Cova da Beira  – http://www.chcbeira.pt/

Governo destaca modernização dos serviços de saúde em Coimbra

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, EPE (CHUC) está a dar um exemplo de modernização dos serviços de saúde através do uso da telemedicina, afirmou o Secretário de Estado da Saúde, Manuel Delgado, após uma visita a este centro, em Coimbra.

A telemedicina “evita que os doentes tenham de circular pelo país, oferece vantagens do ponto de vista económico, permite mais conforto e bem-estar dos doentes e, mais do que isso, torna mais rápidas a realização dos diagnósticos e a instituição das terapêuticas”, referiu.

Manuel Delgado sublinhou que as unidades “estão de parabéns por todo este modelo que têm desenvolvido a par com os cuidados primários e com outros hospitais da região”, depois de assistir a uma consulta de cardiologia por telemedicina.

O Secretário de Estado da Saúde afirmou que a telemedicina é uma aposta do Governo e serão feitos todos os possíveis “para que estes projetos vão para a frente, porque são reprodutivos, na medida em que se pagam por si próprios, pois vão, a jusante, economizar dinheiro em custos de transportes, de tratamentos e de consultas sucessivas que são evitadas”.

Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde estão “fortemente empenhados em apoiar estes projetos com as tecnologias necessárias. E a experiência que tivemos hoje mostrou que o sistema funciona muito bem, sem falhas, nem de imagem, nem de som”, acrescentou.

Vantagens da telemedicina

O Secretário de Estado destacou que a telemedicina permite a não dispersão de recursos, proporcionando “um fator de poupança, de economia de meios” que obriga “a alguma concentração de meios nos centros de referência”.

O Governo “está a criar um modelo de incentivos justamente para áreas que nos hospitais possam ter uma massa crítica, uma qualidade e uma diferenciação que projetem a sua imagem e capacidade de trabalho para fora dos seus muros”.

“Estes incentivos, que são os chamados centros de responsabilidade integrada, dados a estas equipas, serão uma mais-valia económica para os próprios profissionais, mas são, sobretudo, um fator de atratividade para estes centros e de promoção dentro dos próprios hospitais e na região”, acrescentou.

O Secretário de Estado da Saúde visitou ainda as obras de requalificação do serviço de hematologia clínica, cujo investimento rondou os 160 mil euros, e do hospital de dia do serviço de neurologia, remodelado e ampliado ao abrigo do mecenato, ambos no polo do hospital universitário.

Manuel Delgado inaugurou ainda a exposição “135 anos de ensino de Enfermagem em Coimbra”, promovida pela Escola Superior de Enfermagem de Coimbra e que se encontra patente ao público no átrio principal do polo do hospital universitário.

Para saber mais, consulte:

Reforço de Recursos Humanos Permite Alargar Horário do Hospital de Dia de Oncologia/Hematologia de Vila Real – CHTMAD

Hospital de Dia de Oncologia/Hematologia funciona até às 18 horas

O Hospital de Dia de Oncologia/Hematologia da Unidade Hospitalar de Vila Real do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD) alargou o seu horário de atividade, no passado dia 21 de novembro, até às 18 horas.

O alargamento do horário de atividade deve-se ao aumento de 11% nos tratamentos no Hospital de Dia, durante o ano de 2016, relativamente ao ano anterior. O objetivo consiste em receber mais doentes e aumentar o seu conforto.

Esta decisão foi tomada em consenso por todos os profissionais de saúde envolvidos e só se tornou possível com o reforço de recursos humanos no Centro Oncológico do CHTMAD.

O objetivo desta mudança tem apenas um propósito: continuar a prestar os melhores cuidados de saúde aos utentes e a todos os que procuram o centro hospitalar.

Visite:

Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro, EPE  – http://www.chtmad.min-saude.pt

244 Mil Euros para Análises de Hematologia – CH Baixo Vouga

  • PORTARIA N.º 470/2015 – DIÁRIO DA REPÚBLICA N.º 116/2015, SÉRIE II DE 2015-06-17
    Ministérios das Finanças e da Saúde – Gabinetes dos Secretários de Estado Adjunto e do Orçamento e da Saúde

    Autoriza o Centro Hospitalar do Baixo Vouga, E. P. E., a assumir um encargo plurianual até ao montante máximo de EUR 244.770,00, com IVA incluído à taxa legal em vigor, relativo à aquisição do fornecimento de reagentes para a realização de análises de hematologia