Requalificação do Hospital de Águeda: Aprovado investimento de 1 M€ para remodelação de urgências

16/11/2017

Foi publicada ontem, em Diário da República, a portaria assinada pelos secretários de Estado do Orçamento e da Saúde, que autoriza o investimento de aproximadamente um milhão de euros para a remodelação do serviço de urgência do Hospital de Águeda, inserido no Centro Hospitalar Baixo Vouga (CHBV). O projeto vai ser financiado por fundos comunitários, no valor de 522 mil euros, e pelo CHBV em 180 mil euros, sendo os restantes 600 mil euros comparticipados pela Câmara Municipal de Águeda.

Atualmente está a decorrer o concurso público para esta empreitada, estando a abertura de propostas marcada para o dia 22 de novembro. A obra, que deverá demorar cerca de um ano, prevê a requalificação do serviço de urgência e da área dos meios complementares de diagnóstico, que inclui a imagiologia e o laboratório.

Em declarações à Lusa, o presidente do Conselho de Administração do CHBV, Aurélio Rodrigues, disse que o principal «aspeto qualitativo» desta obra é que vai permitir separar o atendimento de crianças do atendimento de adultos. «Na atual urgência está tudo junto e no novo projeto haverá um circuito autónomo para adultos e outro para crianças, cumprindo-se as regras de boas praticas clínicas de não misturar crianças mais vulneráveis com os adultos», disse o presidente do CHBV.

A obra prevê ainda a criação de uma plataforma de ligação entre o edifício principal e o edifício lateral, que passará a ser a entrada da urgência e onde será criada uma zona de espera dos familiares.

Durante o período das obras, as urgências vão funcionar em instalações alternativas preparadas para o efeito. «Vamos ter a urgência a funcionar num edifício onde atualmente temos a consulta de cardiologia e oftalmologia, que vão ser deslocalizadas para outro local», disse Aurélio Rodrigues, assegurando que a qualidade dos serviços prestados não será afetada.

Fonte: Lusa

Requalificação do Hospital de Chaves: Investimento de 1,2 M€ visa a remodelação do bloco operatório

09/11/2017

Foi autorizada, pelos Ministérios das Finanças e da Saúde, a realização do investimento para requalificação e beneficiação do bloco operatório da Unidade Hospitalar de Chaves, inserida no Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD), no valor de 1.201.163,98 euros (acresce IVA).

Em comunicado, a administração do CHTMAD refere que parte deste valor será objeto de comparticipação comunitária pelo programa Norte 2020.

A remodelação do bloco operatório, nomeadamente a atual sala do bloco dedicada ao serviço de urgência, tem como objetivo uma organização mais ajustada às necessidades, otimizando circuitos e condições físicas, melhorando a funcionalidade, capacidade e espaço, e respondendo às exigências atuais com utilização das tecnologias mais recentes.

A realização deste investimento na Unidade Hospitalar de Chaves contribui para maior conforto e humanização de um espaço que tem como propósito assegurar cuidados de saúde de segurança e qualidade.

Visite:

Concursos Públicos de Materiais e Afins na Área da Saúde em 09/11/2017

CHTMAD – http://chtmad.com/